Sim, no dia da mãe
o coração é amarelo

Para quem ama a mãe natureza.

Trabalho a concurso

Memória descritiva

Este coração foi elaborado por nós, os 21 alunos dos quatro anos de escolaridade da EB1 de Lamas, com a ajuda das nossas professoras e auxiliar e seguimos os seguintes passos:

• Recolha de embalagens Tetra Pak junto das nossas famílias, amigos e vizinhos;
• Depois de discutidas as muitas ideias que surgiram, decidimos fazer um coração aos “remendos” de forma a ter no coração grande, um coração de cada um, pois no coração de uma mãe cabem sempre muitos corações;
• Recortámos tiras grossas e entrelaçámo-las formando quadrados prateados (interior dos pacotes) e quadrados estampados (parte de fora dos pacotes).
• Desenhámos metade de um coração numa folha de jornal e recortámos com a folha dobrada. Passámos para o nosso quadrado grande e recortámos. Ficámos com um coração de remendos;
• Pintámos de amarelo os quadrados estampados e carimbámos um coração que fizemos de esponja velha…um coração de cada!
• No fim, colámos os símbolos, que tínhamos recortado das embalagens que usamos, no centro dos corações;
• Usamos embalagens Tetra Pak, tesouras, agrafador, cola-tudo, esponja usada, trinchas e tinta amarela;
• Para finalizar o trabalho, fizemos uma composição coletiva da qual resultou esta memória descritiva.

... e daqui a uns dias, este coração vai surpreender e alegrar outros verdadeiros corações...mas isso ainda é segredo!

Escola: EB1 de Lamas

Professor coordenador do trabalho: Paula Florinda Dias Nunes Vieira