Sim, no dia da mãe
o coração é amarelo

Para quem ama a mãe natureza.

Trabalho a concurso

Memória descritiva

ESCOLA BÁSICA Nº 6 DO BARREIRO
Morada: Rua Voz do Operário
Telefone:212031042
Fax: 212031042
Email: carla.miranda@gmail.com
Turmas envolvidas: Todas as turmas da escola
Professores envolvidos: Todos os professores

Este projeto surge com base numa proposta feita às escolas pelo programa ECO ESCOLAS, onde o objetivo principal é a criação de um objeto, tendo por base a forma de um coração, onde predomine a cor amarela e em que, em grande parte do seu revestimento sejam utilizadas embalagens com o símbolo tetra pac. Pretende-se também que este objeto tenha uma função.


NECESSIDADE DE CRIAÇÃO DO OBJETO


Numa primeira fase, foi apresentado aos alunos o projeto e as suas linhas orientadoras de forma a explicitar objetivos e intenções da tarefa proposta. De imediato, surgiram ideias e propostas para a construção do coração. Após várias sugestões emergiu uma necessidade comum a todos os alunos, a criação de um ecoponto amarelo para colocar no pátio da escola.



FASES DO PROJETO
1. ELABORAÇÃO DE ESTUDOS

Depois de se chegar a um acordo em relação ao objeto a produzir, os alunos elaboraram estudos de possíveis objetos, tendo em conta tudo o que lhes tinha sido proposto.



Numa segunda fase, os alunos apresentaram os estudos que tinham elaborado, dos quais foi selecionado apenas um. Tendo por base esse estudo, passou-se à fase de produção e desenvolvimento do projeto.

Foram definidos os materiais a utilizar, teve-se em conta as dimensões sugeridas para o projeto e a utilidade que o mesmo viria a ter.


MATERIAIS A UTILIZAR:

Arame metálico, tinta amarela e branca, embalagens de pacotes de leite escolar, tampas de garrafa e pedaço de cartão.



DIMENSÕES DO OBJETO:

Largura- aproximadamente 20 cm

Comprimento – 50 cm

Altura – 50 cm


FUNÇÃO DO OBJETO:

Criação de um ecoponto amarelo para ser utilizado por todos os alunos da escola durante o intervalo.

Escola: Escola EB1 Nº 6 do Barreiro

Professor coordenador do trabalho: Carla Maria Rosa Mira Domingos